Pesquisar este blog

24 de fevereiro de 2013

O Android não é consagrado ao demônio

O Android não é consagrado ao demônio
Sempre há pessoas dizendo que beltrano, sicrano... vendeu a alma ao diabo, que certa música é um culto ao demônio... é assim, só alguém ou algo fazer sucesso, que é na verdade na maioria das vezes é fruto de muito trabalho, que já colocam o diabo na história.

Publicidade

O Android não ficou de fora desta ignorância. Nos últimos dias, um vídeo publicado no YouTube vem movimentando as redes sociais, que geraram mais de 179 mil visualizações a ele.

Postado pelo pastor e rapper gospel Juninho Lutero, o vídeo acusava o Android de ser “consagrado ao demônio”, mostrando uma imagem secreta com a mascote do sistema operacional em meio a figuras macabras. Será que isso confere?

Durante os quase sete minutos de vídeo (clique aqui para assistir), Juninho Lutero mostra que, ao apertar diversas vezes a linha com a versão do Android, nas configurações do aparelho, uma imagem “tenebrosa” deve aparecer.

Fonte: Tecmundo